domingo, 8 de abril de 2012

Vamos às COMPRAS ?


-

Tramas e linhas retas na varanda
Na cadeira Diretor (60 x 60 cm, altura de 1 m), Maria Eudóxia Mellão mistura o visual rústico do encosto tramado e as linhas retas do design contemporâneo. Com estrutura de garapeira maciça e revestimento de palha, o móvel não pode ficar em áreas descobertas.  Tel. (11) 3887-3960, São Paulo. Foto: Cacá Bratke
-
Canteiro organizado Quem se confunde com as ervas vai gostar das plaquinhas de identificação criadas por Bia Ferreira da Rosa. As peças esmaltadas, feitas a mão, medem 14 x 7 cm cada e trazem o nome dos temperos em óxido de cobalto. No ateliê da ceramista. Tel. (11) 3082-5989, São Paulo. Foto: Cacá Bratke
-
Vasos mais práticos Em vez de pratos, uma gaveta embutida armazena o excesso de água no vaso criado pela paisagista Gigi Botelho. O modelo de aço cortén tem rodízios escondidos na base e está disponível em quatro tamanhos - 30 x 30 cm, 40 x 40 cm, 50 x 50 cm e 60 x 60 cm. Também é possível encomendar vasos maiores. Tel. (11) 3164-0993, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Bicho da floresta Entalhado na madeira por índios do Xingu, este simpático macaco é na verdade um banquinho. Medindo 30 cm de altura, está à venda na Jacaré do Brasil. Tel. (11) 3081-6109, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Charme e resistência 
De ferro fundido pintado - material que apresenta uma boa resistência ao tempo, mas não tolera a maresia -, as linhas retas da cadeira Jardim apresentam um certo ar retrô. Mede 45 x 45 cm, altura de 1,15 m. Na Artmorfose. Tel. (11) 3812-5704, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Pendure no muro Com paciência e delicadeza, Silvia Adami recorta pastilhas de vidro, as fixa em um molde de gesso e, por cima, aplica um stain. Assim surgem estas flores para fixar no muro do jardim. Sob encomenda, com 15 cm de diâmetro cada uma. Tel. (19) 3886-5277, Campinas, SP. Foto: divulgação
-
Sem pragas À base de água, o inseticida SBP Casa & Jardim promete combater pragas como pulgões, cochonilhas, lagartas e formigas sem agredir as plantas. Segundo o fabricante, não deve ser usado em espécies comestíveis. À venda em supermercados. SAC: tel. 0800-7030304. Foto: Eduardo Delfim
-
Espaço para as visitas Os pássaros vão se esparramar: com 30 cm de diâmetro e 20 cm de altura, esta casa tem espaço de sobra para os bichinhos se alimentar e descansar. De cerâmica de alta temperatura e pintura vitrificada. Na 62 Graus. Tel. (11) 3813-8434, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Cara de antigamente 
Móveis de época para jardim são restaurados e ganham um novo colorido na Clássica e Moderna. É o caso desta poltrona de ferro dos anos 1950, pintada de azul. A peça de 60 x 60 cm e altura de 90 cm vem sem a almofada. Tel. (11) 3064-7772, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Vaso suspenso Um gracioso suporte de ferro sustenta um tubo removível de vidro: foi assim que a designer Audrey Ammar concebeu o vaso de parede Cone (24 cm de altura). Com ele, você pode ter sempre flores diferentes enfeitando a varanda. À venda na Reciclamundo. Tel. (11) 3032-9856, São Paulo. Foto: Evelyn Müller
-
Desenho oriental O encosto deste banco importado da Tailândia traz entalhes rebuscados, típicos dos móveis produzidos no país. A peça é feita de teca maciça, tratada com o óleo da própria madeira e cera natural, o que aumenta a resistência contra as intempéries. Mede 1,20 m x 50 cm, altura de 90 cm, na Bali Express. Tel. (11) 3062-6061, São Paulo. Foto: Evelyn Müller
-
Sobre a grama 
Para quem gosta de se sentar no gramado, o futon de 45 x 45 cm (198 reais) e o zabuton de 38 x 38 cm são revestidos de tecido que agüenta o contato com a terra úmida. Mesmo assim, as almofadas precisam ser recolhidas em caso de chuva. Na Futon Shop, tel. (11) 5093-5222, São Paulo. Foto: Evelyn Müller
-
Invasão das formigas 
De praga, estes bichinhos não têm nada. Feitos de chapa de ferro com acabamento envelhecido, eles vêm com uma perfuração nas patas que permite pregá-los ao muro do quintal e formar um divertido caminho. Idéia do artesão Márcio Ferreira, da Fábrica das Artes, tel. (31) 3355-2885, Tiradentes, MG, cada formiga, de 13 x 14 cm, altura de 4 cm, está à venda na Tok & Stok. SAC tel. 0800-7010161. Foto: Evelyn Müller
-
Orquídeas à sombra 
Quando a copa do coqueiro foi decepada por um raio, as orquídeas presas ao tronco perderam seu abrigo. Então, a arquiteta Sílvia Carneiro, tel. (11) 9222-6616, São Paulo, criou este guarda-sol de bambu, executado por Edson Nune, tel. (11) 3117-0770, São Paulo. O topo do tronco recebeu betume. "A árvore vai levar anos para apodrecer", diz Sílvia. Foto: Evelyn Müller
-
Caramujos 
Quer deixar o jardim mais divertido para a criançada? Adote bancos em forma de animal. A Lao Engenharia produz caramujos (50 cm de altura), cavalos, girafas e elefantes. Feitos de eucalipto de reflorestamento tratado. Tel. (11) 4617-3400, Cotia, SP. Foto: Célia Mari Weiss
-
Flores na cabeça Esta charmosa boneca de cerâmica pintada, que equilibra um vaso na cabeça, é uma autêntica representante do artesanato pernambucano. A peça mede 55 x 30 cm, altura de 92 cm, na Bendito Seja. Tel. (11) 3819-0885, São Paulo. Foto: Célia Mari Weiss
-
Inspiração peruana 
Pastilhas de vidro e de porcelana se combinam neste tampo de mesa de 80 cm de diâmetro. "Fiz um desenho inspirado nas cerâmicas deixadas pelo povo nazca", conta a mosaicista Sônia Lorenz. Sob encomenda, é possível escolher outros tamanhos. Tel. (11) 3862-0953, São Paulo. Foto: Célia Mari Weiss
-
Ao sabor do vento Pendurada a uma árvore, a cadeira Canopi propicia um balanço relaxante. Desenhada por Geraldo Queiroz, é feita de ratã e junco tratados para ficar ao tempo e o tecido acrílico das almofadas também resiste às intempéries. Mede 80 cm de diâmetro e 1,25 m de altura. Na Manufatura. Tel. (11) 3086-1854, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Mais conforto no jardim 
Para criar uma área de estar no jardim, a linha Giardino, da Solaris, traz pufes, poltronas e sofás com estrutura de alumínio e poliestireno. Estes dois módulos têm 80 x 80 cm e altura de 68 cm. Sem o tecido, na House Garden. Tel. (11) 3081-1233, São Paulo. Foto: Célia Mari Weiss
-
De volta para o futuro Criada em 1967 pelo finlandês Eero Aarnio, a Pastil Chair (cadeira pastilha) não é apenas um exemplo do design futurista que marcou a década de 1960. Ela também simboliza aquele tipo de peça que volta e meia é redescoberta. Agora, graças ao material de que é feita - a fibra de vidro -, faz bonito na área externa. Com 90 cm de diâmetro e 50 cm de altura, na versão branca. Na Micasa. Tel. (11) 3088-1238, São Paulo. Foto: Cacá Bratke
-
Luz romântica 
Uma vela colocada dentro da lanterna Old White garante uma iluminação cheia de clima no jardim. Feita de tela metálica e papel resinado, tem 34 cm de altura. Le Lis Blanc Casa. Tel. (11) 3842-7486, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim
-
Cachepô dupla-face É como se fossem dois vasos unidos pela base, um deles com 15 cm e o outro com 21 cm de diâmetro. Aí, você escolhe de que lado prefere usar a peça de cerâmica de 25 cm de altura, feita pela Oficina Daterra. Na Anni Verdi. Tel. (11) 3064-7924, São Paulo. Foto: Eduardo Delfim  portalcasa.abril

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário,é muito importante pra nós.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.