sexta-feira, 8 de junho de 2012

O Jardim Secreto


 Misterioso, às vezes imperceptível, ele é feito com emoções
Todos nós, ricos ou pobres, velhos ou jovens, temos nossas fantasias e ilusões, e elas navegam pelos rios imaginários de nossos pensamentos. Às vezes são sonhos eróticos; outras, visões opulentas de riqueza ou aspirações de poder. De uma forma ou de outra, sempre estamos alimentando desejos de mudar e até, quem sabe, aparecer como por milagre naquele paraíso utópico que bem poderia ser o próprio Jardim do Éden.
Você nunca pensou em ter um jardim secreto? Um espaço silencioso e misterioso desconhecido do mundo, um lugar secreto que fosse só seu, protegido por uma cerca de enigmas, às vezes florida, outras apenas verde, mas sempre reservada?
Penso que nosso jardim é algo tão intimo, tão pessoal. Não estou me referindo àquele espaço gramado na frente das nossas casas, não! Falo daquele cantinho escondido que sempre está disposto a servir-nos de refúgio e nos admite, para que possamos ser invisíveis perante todos e, desse modo, mergulhar dentro de nossa alma carente de flores perfumadas. Ele não precisa de um estilo, nem de grandes complicações, talvez nem de plantas raras e caras. Entretanto, não pode carecer de emoção, e essa emoção não pode ser comprada, deve comover o lado um tanto camuflado que temos dentro de nós e para isto precisamos colher as sementes que germinarão graças às nossas vontades e a nossa imaginação. Esse jardim é algo íntimo e insondável, por isso não fique preocupado com a aprovação alheia. É você quem deve ficar satisfeito com ele, é você que vai sentir os aromas e o rumor da brisa gracejando com a fronde. Só você deve ser o privilegiado a sentir o que o jardim secreto lhe revela e apenas ele deve ser seu confidente a partilhar o inexplicável, lhe dando gotas de orvalho em troca de suas lágrimas.
Não se preocupe com adubos ou regas excessivas, se seu jardim secreto for feito de forma verdadeira, ele irá se alimentar com sol e com chuvas, com luas e calores e, especialmente, com sua sensibilidade que alimenta sensações vestidas de verde e ornadas com flores inventadas.
Não tema, faça esse jardim secreto, mesmo que não tenha pás e rastelos, construa-o com suas mãos. Se não tiver espaço suficiente, não faz mal, edifique-o no seu coração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário,é muito importante pra nós.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.