quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Vai viajar? E as suas plantas como vão ficar?


Quem ama flores e as cultiva em casa, geralmente, entra em um dilema antes de viajar: o que fazer com as plantas? Isso porque elas, assim como os animais de estimação, precisam receber cuidados e não podem ser deixadas de lado.
Na tentativa de resolver o problema antes da viagem, algumas pessoas optam por encharcar vasos, acreditando que com bastante água, as flores se manterão regadas durante a sua ausência. A atitude, porém, não é recomendada. Isso porque os vegetais absorvem apenas o que é necessário para sua sobrevivência no momento e, dessa forma, a água que resta fica acumulada no vaso, causando muitas vezes o apodrecimento da raiz ou mesmo a morte da planta.
Foto: Flickr
Felizmente, existem outras soluções mais viáveis e capazes de manter a planta viva e saudável até a volta. Quer saber quais são? Veja a seguir!
Opção 1
Para viagens rápidas, há uma alternativa bem simples, que pode ser feita em casa e com materiais utilizados no dia-a-dia. As garrafas plásticas, por exemplo, permitem a criação de um sistema de irrigação eficaz e fácil de ser manuseado.
Funciona assim: pegue uma garrafa pet e faça um furo em sua tampa – o mesmo não pode ser grande ou pequeno demais. Este furo servirá como irrigador da planta. Depois de ter feito essa parte do processo, encha o recipiente com água e o enterre de cabeça para baixo no vaso. Para tirar um pouco da pressão da garrafa, faça um furo também em sua parte superior.
Outra alternativa é deixar as flores na varanda em um local estratégico, onde a mesma não esteja exposta a uma quantidade demasiada de sol e consiga pegar o sereno da noite. Esta técnica é menos garantida do que a anterior, mas também funciona.
Opção 2
Se você não quer construir seu próprio irrigador, adquira um gotejador. Ele mantém a planta úmida e saudável por bastante tempo e disponibiliza a quantidade de água correta para seu desenvolvimento.
O produto pode ser encontrado em vários mercados e, além de acessível, é ainda melhor que o caseiro por irrigar a planta por até quinze dias. Outra alternativa viável é o dry water, um gel basicamente composto de água igualmente conhecido como suplemento de irrigação. Ele libera lentamente umidade para a planta, que chegando em sua raiz transforma-se em líquido e possui duração de 30 a 90 dias.
Opção 3
Em último caso, em determinadas cidades existem os hotéis para flores. Se prefere que sua planta seja cuidada por uma pessoa, deixe-a em um desses locais. No Brasil, a empresa mais conhecida do ramo é a Bonsakai, que cuida especificamente de Bonsais e cobra a taxa diária de apenas R$ 1,00.
Outra possibilidade é deixar suas plantas sob os cuidados de um amigo ou vizinho, que também seja apaixonado por flores. Dessa forma, suas plantas serão bem cuidadas e estarão lindas e saudáveis quando você voltar.Link

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário,é muito importante pra nós.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.